Gerês, o nosso paraíso

Tanto no verão como no inverno sou presença assídua no Gerês, já o visitei vezes sem conta e até agora não me cansei.

Fica no norte do país perto de Braga, entre cascatas, lagoas, trilhos e animais selvagens, como é possível não se visitar este nosso paraíso?

Se estás a pensar rumar ao norte do país (ou se já és daí) para descobrires este cantinho então fica desse lado e dá uma vista de olhos nos meus locais preferidos.

Antes de continuar deixa-me falar-te das dormidas, eu já experimentei o parque de campismo e casas alugadas, no entanto tudo depende do tipo de experiência que pretendes.
Hospedagem à parte, o que realmente interessa é desfrutar de tudo o que o Gerês tem para oferecer.

Os meus locais preferidos!

Praia Fluvial do Rio Caldo

Entre mergulhos em águas limpas e cristalinas, canoas e gaivotas, a diversão e umas horas bem passadas são garantidas. Deixo-te uma dica, se quiseres experimentar esta praia aconselho-te a madrugares – fica lotada num instante.
 

Albufeira da Caniçada

Apenas a alguns metros da praia fluvial do Rio Calvo encontramos o sossego! Este cantinho não é tão conhecido e por isso mesmo vale a pena dar lá um salto.
 

Praia Ribeira do Gerês

Já ouviste falar deste local? Provavelmente não. Para mim é “o tesouro” escondido do Gerês, já agora pode ficar o nosso segredo?

Barragem de Vilarinho das Furnas

Já em Terras de Bouro encontramos a conhecida barragem de Vilarinho das Furnas. Que tal fazeres um picnic com esta vista fantástica?
 

Torneros, a “piscina” de água quente

Já do lado de Espanha, em Torneros, encontramos a famosa piscina natural de água quente, ideal para passar uma tarde ou um dia inteiro e fazer um picnic.
Esta piscina considerada termal é pública e gratuita, mas para lá chegar é preciso passares por uma fronteira – entrada para Espanha e pagar 1€ (é possível que o valor já tenho aumentado).
 

Cascatas

As cascatas são dos locais mais procurados do Gerês, deixo-te alguns exemplos: a Cascata Portela do Homem; Cascata Tahiti; Cascata Figas de Ermelo; Cascata do Arado. Sabe mais aqui.
 

Trilhos

Por último mas não menos importante, os Trilhos, aliás estes contribuem bastante para a popularidade do nosso Gerês.
Existem várias opções, uns mais difíceis que outros, porém em todos eles é possível sentir de perto a natureza, caminhar lado a lado com diversas espécies de animais: bodes, cavalos, cabras, ou seja respirar liberdade. Na minha opinião, é aqui que se compreende a verdadeira essência deste lugar, vale muito a pena apanhar boleia da aventura e descobrir o Gerês. Sabe mais aqui.
 

Então, convenci-te? Já estás de mala às costas?

Boas viagens!

You may also like

Leave a Reply